Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Girassóis e Anel Atlantis- Efeitos - Dúvidas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

ppcampos.br




Olá.

Quero saber se alguém aqui sabe por meios científicos ou experiências próprias,
se o Girassól afeta a vida da pessoa, dizem que ele age quanticamente.

Outra coisa, o Anel Atlantis,

quem conhece? alguem usa ?

É isso.

Vamos debatendo.

Abraços a todos !



Al McAllister


Admin
Olá amigo,

Que eu saiba não há nenhuma conotação espiritual para o Girassol. Tradicionalmente se diz que o Girassol é um símbolo da fertilidade e constância em um propósito, e por sempre estar com sua face direcionada ao Sol representa a Fé. Vou pedir para a Lena Rodriguez postar uma resposta aqui relativa ao Girassol no sistema de Florais.

Eu tive uma Inspiração realcionada ao Girassol alguns anos atrás na minha prática do Ho'oponopono e fiz um cartaz que essencialmente deu início à vários sites inclusive o www.soubem.com. Portanto, posso corroborar esse efeito de fertilidade, multiplicação e abundância de ideias, veja aqui: http://www.hooponopono.ws/girassol-hooponopono.php

O Anel Atlantis é um amuleto que (dependendo da crença) funciona dentro dos princípios da radiônica, para proteção do campo energético da pessoa que o usa. Dizem que requer cuidados para não acomular "negatividades" e que por isso às vezes precisa ser "descarregado". Tudo isso é subjetivo, se você contempla, preza esses sistema de crença, você com certeza vai experienciar os efeitos da mesma. No Soubem utilizamos e divulgamos (www.crescent.com.br) geradores de orgônio, que também transmutam energias do meio ambiente, trazendo bem estar e proteção para a pessoa, leia mais no site. Neste caso são aparelhos transmutadores de energias, não a acumulam, não precisam de limpeza energética, serem "descarregados".


_________________
© 2007-2014 Soubem Ltda.    www.soubem.com
http://soubem.com

Lena


Admin
Eis-me aqui, tudo o que conheço sobre o Girassol e suas propriedades:

GIRASSOL - (Helianthus annuus) > Helianthus é a Essência Floral obtida das flores do Girassol, esta conhecidíssima planta da família das Compostas. Trata-se de uma herbácea originária do Peru, que pode atingir até três ou quatro metros de altura. A perfeita verticalização do caule aponta e sugere a busca da retidão e do alinhamento da terra com o céu, do corpo com a alma, da matéria com o espírito, enfim do nosso aspecto dual.

... O amarelo solar do Girassol sugere um avançar infinito, representando a qualidade maior do espírito humano à procura de sua evolução cósmica, pelo caminho da suprema honra e privilégio de ter uma mente.

Assim, o Girassol é essencialmente um remédio floral para a cabeça e o coração do homem. O fato de essa flor procurar o Sol quando está sobre a linha do horizonte e acompanhá-lo à medida que se move na abóbada celeste demonstra a força do individualismo da planta como um todo. Graças a esse peculiar fenômeno e ao próprio aspecto floral, recebeu a planta a denominação de Girassol. O nome Helianthus vem do greco helius e anthos e quer dizer “Flor do Sol”.

Por outro lado. O capítulo floral é uma verdadeira sociedade, contendo mais de mil flores, que convivem entre si em perfeito entrosamento, apontando assim para a força do coletivismo da planta. A divisão de trabalho é tão perfeita que as flores das laterais do disco são muito ornamentais, mas estéreis, perdendo um tanto assim de sua função individual em proveito da coletividade, enquanto as do miolo central são menos vistosas, porém altamente férteis. Assim, individualismo e coletivismo coexistem em harmonia nesse maravilhoso vegetal. Tal experiência de luz pode nos ajudar a superar nossos conflitos internos relativos a essas polaridades. A extraordinária fertilidade do Girassol não deixa nada a admirar, quando se leva em conta que há poucas plantas em cujas inflorescências os insetos podem pousar com igual facilidade, mover-se com maior comodidade e onde encontram néctar em extraordinária abundância. De alta significação é o que ocorre nos fins do pleno desabrochar da flor, quando desaparecem os estames das flores fecundadas. Como as abelhas desprezam as flores onde faltam as anteras, evita-se decididamente que elas visitem as flores defloradas, desprovidas do precioso e doce néctar, pelo que ficariam magoadas, podendo mesmo acontecer que assim iludidas desistissem mesmo de visitar as flores melíferas e aptas à polinização. Nota-se a excessiva concentração da planta nos detalhes que lhe são vitais e até um certo temor pela solidão e pelo possível abandono por parte de suas queridas abelhas amigas; tal aptidão encontra ressonâncias no arquétipo humano do tipo Helianthus. Quando a planta chega no auge do seu crescimento e tendo passado o desabrochar da flor, então começa a decadência e o grande capítulo floral tomba sem forças, recolhido em seu próprio âmago, buscando assimilar a lição de um ego agigantado...


Parte do texto do livro: As Essências Florais de Minas


*****

AS PROPRIEDADES DA SEMENTE DO GIRASSOL


Os campos onde ela é plantada são reconhecidos à distância devido ao amarelo vivo de sua flor.

Mas não é só pela beleza que o girassol se tornou importante.

Sua semente é rica em nutrientes e oferece bem-estar e saúde.

Origem -

Arqueólogos afirmam que seu cultivo teve início no ano de 3.000 a.C., onde hoje se localizam os Estados do Arizona e do Novo México (EUA).

No dia-a-dia, os indígenas da região aproveitavam praticamente todas as partes dessa flor.

Das sementes, eles obtinham uma farinha rica em fibras e proteína e um óleo para tratar os cabelos, o caule fornecia fibras têxteis, as folhas eram utilizadas como alimento para os animais e de suas flores eles extraíam um tipo de corante.

Acredita-se que o girassol chegou na Europa no século XIV, levado pelos espanhóis para servir como planta ornamentária.

Mas foi na Rússia, no século XVIII, que se popularizou devido à adaptabilidade e resistência ao clima temperado das estepes do leste europeu.

A partir de 1830, o país começou a produzir o óleo de girassol em larga escala e hoje é o maior produtor mundial, à frente da Argentina e dos EUA.

Suas plantações ocupam cerca de 20 milhões de hectares ao redor do mundo e suas flores ficam mais bonitas sob temperaturas entre 18 e 30°C.

Propriedades nutricionais -

O óleo de girassol refinado vem ganhando a preferência dos consumidores graças aos baixos índices de gordura saturada, grande vilã das doenças cardíacas.

Sem ser refinado, ele é utilizado na fabricação de sabonetes e velas.

A semente contém gordura poliinsaturada (gordura de boa qualidade) vitaminas do complexo B, E, minerais, como fósforo, potássio, ferro, zinco e magnésio.

Em 100 gramas são encontrados 30 gramas de fibras, 20 de proteínas e 120 mg de cálcio.

Porém, além de muito nutritiva, a semente também é calórica: uma porção de 10 gramas contém 60 Kcal.

Propriedades medicinais -

Na medicina natural, suas flores e folhas são usadas para acelerar o processo de cicatrização de feridas e machucados, além de combater doenças da garganta e pulmonares.

As sementes, ricas em ômega-6 previnem problemas cardíacos e são recomendadas para o tratamento de esclerose múltipla.

Já o óleo do girassol é a base de uma terapia que promete aliviar dores de cabeça, bronquite, tromboses, artroses, eczemas, úlcera de estômago, problemas intestinais, cardíacos e renais.

Segundo o fitoterapeuta Luiz Carlos Costa Sequeira, que mantém um site a respeito de terapias alternativas (ahau.org), a terapia do óleo de girassol foi elaborada por um médico bacteriologista ucraniano, Dr. Karach, e divulgada em 1991.

A técnica consiste em realizar bochechos, de 15 a 20 minutos, com o óleo vegetal obtido por meio de compressão a frio.

"Ao colocarmos o óleo na boca ele é grosso, mas conforme vamos bochechando-o, ela vai se tornando cada vez mais fluído e branco.

É nesse momento então, que devemos cuspi-lo", informa Sequeira, que recomenda o uso de no mínimo uma colher de chá e no máximo, uma colher de sopa, de preferência antes do café da manhã.

Curiosidades -

Pertencente à família das Compostas (Asteráceas), o girassol possui 920 gêneros e mais de 19.000 espécies.
Nos EUA, a flor é símbolo oficial do Kansas onde ela cobre grande parte das planícies do estado.
Entre os incas, representava o terreno do sol e seu formato servia de modelo para as jóias de ouro confeccionadas por esse povo.
Hoje, mais de 90% de sua produção mundial destinam-se à produção de óleo, somente 10% é utilizado como alimento.
Fonte: Revista dos Vegetarianos

*****

BOCHECHAR COM O ÓLEO DE GIRASSOL

Pelo Dr. F. Karach
Academia de Ciências da Rússia

Do relatório do Dr. F. Karach, um participante do Congresso de Cancerologia e Bacteriologia da Ucrânia, no qual foi explicado um método incomum e muito simples de cura para o corpo humano com a ajuda do óleo vegetal de girassol.

Os resultados desse processo de cura provocam admiração e dúvidas sobre o conteúdo de seu relatório. Mas, após um exame mais detalhado de sua terapia com o óleo, qualquer um pode se convencer dos argumentos dele e experimentar os efeitos em seu próprio corpo.

É mais do que impressionante que um método de cura tão simples possa produzir um sucesso tão grande para a saúde, tanto no tratamento quanto na cura de doenças "nas quais se pode até evitar cirurgias ou ingestão de medicamentos de vários tipos com seus efeitos colaterais tão prejudiciais".

Dr. Karach continua expondo que, na verdade, o princípio da cura está principalmente na maneira como ela é feita, isto é, em saborear e bochechar o óleo na cavidade bucal. O resto da cura é feita pelo próprio organismo humano. Deste modo, é possível que, ao mesmo tempo, todas as células e tecidos do corpo se regenerem juntos. Com isso, impede-se o extermínio da flora bacteriana e, consequentemente, os estragos no organismo. Do contrário, o equilíbrio do organismo é enfraquecido e, como conseqüência final, fica diminuído e seu tempo de vida. O ser humano vive, praticamente, só a metade dos anos que poderia viver. Ele poderia muito bem atingir 140 ou 150 anos.

Com este método, dores de cabeça, bronquite, dores de dente, trombose, doenças sanguíneas crônicas, artrose, paralisia, eczemas, úlcera no estômago, doenças intestinais, dores no rins e no coração, encefalite e doenças femininas, foram totalmente curadas.

Como profilaxia, a formação de tumores letais é impedida e também curadas, assim como, por exemplo, doença sanguíneas crônicas, paralisia, doenças nervosas, estomacais, pulmonares e de fígado e, a doença do sono epidêmica.

O método de cura aqui apresentado, cura o organismo por inteiro e funciona também como preventivo nos casos de tumores e enfartos. Com esse método consegui curar minha doença sanguínea crônica, com a qual convivi durante 15 anos e curei também minha artrose.


O PROCESSO DE CURA COM O ÓLEO DE GIRASSOL VEGETAL

MODO DE USAR:

Coloca-se na boca uma colher de óleo (no máximo uma colher de sopa - no mínimo, uma colher de chá). Esse óleo vai ser trabalhado na boca, sem pressa e sem esforço.

Faz-se bochechos com o óleo, de boca fechada, durante 15 a 20 minutos. O óleo não deve ser engolido de jeito nenhum. A princípio o óleo deve estar pastoso, mas depois vai ficando mais fluido. Quando a boca estiver bem cheia de líquido, cospe-se tudo. O líquido que sai tem que estar branco como leite. Se ainda estiver amarelo é sinal que se bochechou por pouco tempo. Depois de cuspir, lave a boca várias vezes com água corrente e escove os dentes. O líquido branco que foi cuspido está cheio de veneno (no sentido figurado), de tal forma que a pia ou o lavatório onde se cuspiu o líquido, tem que ser bem lavados.

No líquido cuspido se encontra uma quantidade imensa de bactérias, vários tipos de micróbios patogênicos e outras substâncias patogênicas prejudiciais à saúde. Se nós formos examinar uma gota deste líquido num microscópio que aumenta 600 vezes, veremos uma série de fibras se movimentando. Estas fibras são exatamente os micróbios em estágio inicial de desenvolvimento, não permitindo que se atinja um estado de saúde permanente. Um dos efeitos mais acentuados é fortalecimento dos dentes bambos, acaba com sangramento das gengivas e os dentes se tornam mais brancos.

É melhor fazer este bochecho com o óleo de manhã cedo, ao se levantar e sem ter lavado o rosto e escovado os dentes, isto é, antes de tomar o café da manhã.
Se quiser apressar o processo de cura, pode-se repetir o processo por três (03) vezes ao dia, antes das refeições e com o estômago vazio. A única coisa que acontece é o aceleramento do processo de cura e não há prejuízo à saúde.

ESTE TRATAMENTO DEVE SER MANTIDO ATÉ QUE:

a) o organismo volte a ter sua fortaleza original,
b) você volte a ter sono tranqüilo,
c) ao acordar não sinta fadiga nenhuma,
d) os olhos devem estar sem olheiras,
e) um apetite saudável, um bom sono e uma memória sem problemas voltem a existir.

Aqui é bom salientar que no princípio possa aparecer uma piora aparente, especialmente nos pacientes que sofrem de várias doenças ao mesmo tempo. Este sentimento aparece principalmente quando os focos de infecção começam a desaparecer ou quando um foco de infecção inflamado começa sobre outro foco, que no futuro iria se converter numa doença perigosa.

Não há, entretanto, por causa disto, nenhum fundamento para interromper o tratamento, mesmo que apareça febre. Uma piora significa apenas que a doença está desaparecendo e o organismo está se recuperando. A cura em si acontece durante o bochechar com o óleo e, quantas vezes por dia se quer aplicar o tratamento, fica por conta da decisão de cada pessoa. Doenças súbitas demoram de dois a quatro dias para serem curadas. Doenças crônicas demoram até um ano para serem curadas.


NÃO INTERROMPA O TRATAMENTO ATÉ CONSEGUIR A CURA

OBS.: Tradução por Cleuza During, baseada no texto publicado na revista "Natur und Medizin" - Nº 1 - Jan/Fev - 1993 - Pág 08
Endereço: Am Nichaelshof 6.5300 - Bonn 2 - Alemanha 14 03 93
*********
Depoimentos

"Há três anos, eu sofria de um eczema vermelho e dolorido, que se estendia como uma marca feia do nariz à boca. A marca não melhorava com nenhum tipo de medicação. Quando li o artigo sobre o óleo de girassol na primeira circular desse ano, comecei imediatamente a bochechar com o óleo. Na terceira manhã, estava me olhando no espelho para me pentear e não acreditei o que vi: o eczema havia desaparecido por completo e até hoje não voltou".

Agora se passaram seis semanas e os milagres continuam. Durante mais de 30 anos tive que consultar um médico, na primavera e no outono, por causa de uma sinusite, muitas vezes acompanhada de uma forte febre. Fazia inalações, gargarejos e recebia tratamento ultravioleta. Outras vezes ficava acamada.

Seis semanas após a terapia com óleo, tudo desapareceu. Os lenços não estão mais repletos de muco e manchas escuras e até a bronquite desapareceu. Realmente não estou exagerando, e gostaria que soubessem da minha profunda gratidão pela publicação do artigo."

"Há alguns anos, duas freiras alemãs foram para a Rússia trabalhar com freiras polonesas em um grande centro industrial. Em seu relatório a Casa Mãe, mencionaram um costume estranho: antes de cada uma das três refeições era obrigada a "mastigar" o óleo de girassol durante 15 minutos. Não gostavam nada deste costume, que consideravam absurdo.

Um ano mais tarde, mandaram novo relatório. Desta vez, mencionaram novamente o óleo de girassol, mas de forma mais positiva. Ficaram abismadas ao perceber que muitos problemas de saúde haviam desaparecido e ambas estavam se sentindo fortes e saudáveis apesar do trabalho pesado. Atribuíram tudo isso ao óleo de girassol, tão valorizado pela população local.

"Logo após a publicação do primeiro artigo sobre curas com o óleo de girassol comecei com essa terapia. Parece incrível, mas há anos não tenho mais nenhum resfriado ou gripe".

"Há dois anos estou bochechando diariamente com óleo de girassol durante 15 minutos ao levantar. Resultado: há anos vivo sem resfriado, tosse, dor de garganta ou sinusite. Não tenho mais medo de andar de ônibus ou trem repleto de passageiros tossindo"

Há 20 anos estava sofrendo de um eczema no canal do ouvido. Muitas vezes a coceira era tão intensa que eu coçava até sangrar, outra escorria uma secreção malcheirosa do ouvido. A cada quatro semanas era preciso ir ao otorrino para fazer uma limpeza no canal. Nos últimos anos, ainda apareceu um zumbido no ouvido. A lavagem, as pomadas, e eventual irradiação só ajudavam durante quinze dias.

Motivada por inúmeros depoimentos, decidi então bochechar a cada manhã com óleo de girassol – uma colher de sopa durante 20 a 30 minutos. A coceira acabou após quatro dias apenas e, aos poucos, o canal ficou completamente liso. Durante a consulta seguinte o otorrino comentou: ’Não entendo, mas o ouvido está completamente curado. O que foi que a senhora fez?’

"Um amigo nosso teve um eczema muito grave no dorso da mão. Durante muito tempo ia de medico em medico. Começou a bochechar com óleo e após seis semanas, a erupção desapareceu para nunca mais voltar".

Estou bochechando desde 1993 e após um ano percebi que nunca mais tive câimbras na barriga da perna e nos pés "".

"Há dois anos estou bochechando durante o inverno duas a três vezes ao dia. Desde então meus brônquios não são mais afetados, não preciso mais usar spray ou medicamentos".

"Há dois anos bochecho regularmente com óleo de girassol. Antes disso, tinha um resfriado e gripe atrás do outro, apesar de me alimentar bem, praticar esporte, banhos alternados e sauna. Após os bochechos, não tive mais infecções respiratórias e, além disso, desapareceu o sangramento das gengivas, minha pele está mais limpa e pequenas feridas saram mais depressa. Também sinto que o bochecho tem um efeito calmante quando estou muito estressada e em pouco tempo, desaparecem os sintomas psicossomáticos no estomago e intestino, gostaria que isso servisse de incentivo para todos que ainda não provaram os bochechos".

"Há dois anos e meio estou bochecho regularmente e desde então minha bronquite de que sofria varias vezes por ano nunca mais apareceram. Também os meus problemas na gengiva desapareceram por completo".

O dentista John E. Waters observou que existe uma relação entre tumores malignos e tártaros nos dentes: em 20 anos de profissão, ele não encontrou nenhum caso câncer isento de tártaro nos dentes.Todos os casos de câncer e diabete vinham acompanhados de forte tártaro, o que pode servir de sinal de alarme.

"Quando li a respeito do óleo de girassol, comecei imediatamente a bochechar por causa de sangramentos na gengiva e problemas circulatórios. Ambos melhoraram e há dois meses também a dor nas costas diminuiu muito: posso me virar à vontade na cama e levantar com facilidade. Sinto-me melhor do que há, muitos anos".

"Meu dentista ficou muito admirado que meu tártaro praticamente desapareceu. Problemas crônicos levam mais tempo para melhorar. As hemorróidas desapareceram após nove meses. Minha pele ficou limpa após um ano, as varizes diminuíram e os problemas de insônia desapareceram. Após um ano minha pressão sanguínea, muito baixa, ficou normal. É importante perseverar. Todos os meus amigos que perseveraram melhoraram a saúde".

"Comecei a bochechar bastante descrente, mas logo após as primeiras aplicações desapareceu o zumbido dos ouvidos que muitas vezes havia chegado ao limite tolerável, Somente aquele que já sentiu esta tortura pode imaginar o meu alivio. Além disso, desapareceram os problemas brônquios e melhorou meu reumatismo. Estou me sentindo muito bem".

"Há um ano as dores em meu joelho direito haviam aumentado tanto que durante três dias não pude levantar. Comecei imediatamente com a terapia do óleo e após duas semanas melhorei muito. Tive medo que a melhora fosse apenas passageira, mas até hoje as dores não voltaram".

Também tenho uma tia de 87 anos que há muito tempo só podia se locomover com muita dor e apoiada e, uma bengala para andar os 300 metros até a minha casa. Também para ela parece um milagre: caminhando sem bengala e me acompanha à cidade para fazer compras."

"Conheço três pessoas que curaram as dores no ombro e uma que deixou de ter dores no joelho. Eu mesma curei a minha dor crônica no cóccix. Durante as férias, não bochechei e as dores voltaram. Ao retornar, recomecei a bochechar e as dores tornaram a desaparecer. Isso para mim é uma prova da eficácia do óleo".

"Há mais de quatro anos estou bochechando regularmente de manhã. É impossível comparar meu estado atual de saúde com a época anterior, quando constantemente resfriada, com dor de garganta, tosse, sinusite, sangramento na gengiva, tonturas e fraqueza. Tudo isso desapareceu e estou feliz de viver sem medo alguns desses problemas".

"Estou bochechando há algum tempo e a asma e a bronquite melhoraram."

RESUMO

Os sucessos obtidos mostram claramente que a terapia do óleo melhora os problemas da cabeça, no nariz, na garganta e nos brônquios—mesmo quando crônicos. Quando não houve cura, pelo menos ocorreu nítida melhora na defesa contra as infecções. Também foi possível observar significativa melhora dos problemas na boca. Além disso, houve melhora de doenças reumáticas, de pele e problemas neurológicos como neuralgias, depressões e insônia.

Fonte: Artigo traduzido do russo para a Sociedade de Pesquisa em medicina Natural, Natur und.Medizin, fundada em Bonn, Alemanha, em 1982, pelo ex-presidente da República Federal da Alemanha, Karl Carstens, e sua esposa, a médica Verônica Carstens.

*****
Postagem do Blog Florais e Cia... http://terapiafloralon-line.blogspot.com/2009/03/92-as-propriedades-da-semente-do.html




_________________
Lena Rodriguez
WWW.CUIDEBEMDEVOCE.COM
http://www.cuidebemdevoce.com

4 Ser como o Girasol!!!! em Seg Mar 07, 2011 4:37 pm

Ametista


Esta semana comprei vários Girassóis para fazer um arranjo floral. Esta , assim como a Flor de Lótus ´e uma das flores que escolhi como " ferramenta" de limpeza. Alem do simbolismo, tem um " que" que me fala a alma. Campos de girassóis , despertam em mim força, energia, Luz, e sinto como que fortalecida. Hoje recebi um mensagem, que compartilho abaixo com vcs.
Paz e Luz!!!!!

Você sabia que nossos olhos são seletivos? Focalizamos somente o que queremos ver.
Todo resto é jogado para segundo plano e descartado.
Essa é uma estratégia do cérebro para evitar guardar informações inúteis.
Isso pode ser bom ou ruim, dependendo de como usamos esse recurso.
Você já reparou como é fácil ficar de baixo astral?

Estou de baixo astral porque está chovendo, porque tenho uma conta para pagar, porque não
tenho exatamente o dinheiro ou aparência que gostaria de ter, porque não fui valorizado,
porque não encontrei o amor da minha vida, porque a pessoa que quero não me quer,
porque o mundo é cruel, porque, porque, porque…

Claro que a vida não é perfeita. E tem hora que a gente não está bem mesmo.
Mas a nossa atitude poderia ser mais direcionada ao lado bom da vida.
Ao que nós gostamos e queremos dela.
Na natureza, temos um exemplo assim.
O girassol.
Ele se volta para onde o sol estiver.Mesmo que ele esteja escondido atrás de uma nuvem.

Podemos aprender a ser assim, realçar tudo de bom que recebemos.
Não dando tanta importância às coisas ruins. Aprendendo a ampliar pequenos gestos
positivos e transformá-los em grandes acontecimentos.
Podemos treinar imitando o girassol, que busca o sol, a vitalidade, a força, a beleza.

Apreciar o amor que alguém dirige a você. Apreciar um sorriso de alguém que você gosta.
Apreciar uma palavra amiga. Apreciar a festa, a alegria, a risada.
E pensar menos no ‘e se’, no ‘se não’, ‘no até quando’ ou no ‘por outro lado’.

Não estou falando em ser alienado. Mas em dar mais importância aos planos, ações
e acontecimentos positivos. E menos aos medos, inseguranças e coisas ruins que todos
sabemos que existem. Toda vez que começarmos a nos sentir mal humorados, tristonhos, medrosos,
desanimados ou revoltados, que possamos nos lembrar do girassol.
Selecionando o melhor deste mundo e trazendo para dentro de nós.

Escolha focalizar o lado melhor, mais bonito, mais vibrante das coisas, assim como um girassol
escolhe sempre estar virado para o sol!
É este o segredo da vitalidade. Agir assim não vai resolver os problemas do mundo.
Mas vai fazer de você uma pessoa melhor e mais feliz.

E o mundo carece de exemplos felizes. Feliz é quem gosta do que é e tem,
independentemente do que seja!

Luz, amor, sabedoria e equilíbrio a todos...

(Nany P.)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum