Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

LÁGRIMAS, VERTIGENS E OS DESASTRES NATURAIS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 LÁGRIMAS, VERTIGENS E OS DESASTRES NATURAIS em Ter Maio 13, 2008 10:13 pm

JoseEduardo


O Que se Passa No Planeta Terra?



LÁGRIMAS, VERTIGENS E OS DESASTRES NATURAIS
12 de Maio de 2008

Por Karen Bishop





Saudações!

Quanto mais e mais ficamos alinhados com as freqüências que estamos sendo envolvidos agora, muito movimento está ocorrendo, o que está criando uma barragem de manifestações variadas dentro e fora do planeta.

No final de Março, logo após o equinócio, as aberturas chegaram e fomos capazes de avançar com muito se abrindo e muitos milagres afluindo. Nós tínhamos muito certamente tocado um espaço mais elevado, alcançado um novo apoio de uma nova realidade, chegando ao final do canal do nascimento, e isto parecia realmente o céu. Então, quase tão abruptamente quanto começou, as coisas subitamente entraram em um estado caótico, as energias estavam tentando se realinhar com o seu propósito mais elevado, ou com o que melhor se adequassem a como estávamos vibrando agora.

Isto é um padrão muito comum do processo de ascensão. Nós alcançamos uma dimensão ou estado mais elevado de ser, o que parece surpreendente no início, e então tudo deve se alinhar com esta nova residência nos reinos mais elevados. Portanto, tudo está sempre em divina e perfeita ordem, ainda que na maior parte do tempo, muitos possam sentir que estamos em constante transição, em um estado contínuo de purificação e liberação, e podem imaginar se chegaremos no céu na Terra que sempre soubemos que chegaria um dia.

Mas o processo de ascensão tem várias etapas que são repetidas inúmeras vezes, e uma vez que nos tornemos familiarizados com elas, ninguém provavelmente precisaria ler estes alertas de energia, pois seria evidente o que estava ocorrendo! Estas etapas estão todas listadas e explicadas no livro "O Manual da Ascensão", mas eu continuarei lhes transmitindo muitas delas nos excertos do livro, àqueles que recebem por e-mail, junto com cada anúncio de que um novo alerta de energia foi publicado neste web site.

Com o advento de cruzamento do trimestre, o ponto médio entre o equinócio e o solstício em 5 de Maio, nós alcançamos novamente um ponto fundamental, vivenciamos uma mudança, e avançamos mais um grau.

Isto criou mais espaço para nos expandirmos, avançarmos, nos abrirmos e atingirmos ainda mais a nossa nova terra do céu na Terra. Nós alcançamos um espaço como uma massa crítica onde podíamos novamente avançar, e o trimestre serviu como o veículo para auxiliar nesta nova etapa à frente.

O dia 5 de Maio marcou um ponto onde mais alinhamentos estavam finalmente se manifestando, e muito foi incluído e obtido com esta onda. O processo de eleição presidencial aqui nos Estados Unidos esteve se manifestando de acordo com estes realinhamentos. É por isto que Hillary Clinton e Barack Obama têm estado lado a lado por tanto tempo. Uma manifestação não estava ainda pronta para ocorrer, pois os novos alinhamentos não estavam ainda intactos. O velho estava ainda no processo de partir e o novo estava chegando. E então, com o advento do cruzamento do trimestre... bum! A mudança ocorreu e as coisas começaram a assumir os seus lugares.

Em 11 de Maio, mais alinhamentos novos ocorreram também. O dia 11 é muitas vezes indicativo de uma oportunidade de se mover através de uma abertura para uma realidade de vibração mais elevada. O portal de um 11 é usualmente um evento excitante realmente, dependendo de onde estamos atualmente e o que estivemos realizando.

Se vocês passaram por este último portal, podem ter experienciado vertigens, tonturas, ou uma extrema perda de equilíbrio. Esta é uma ocorrência da ascensão muito comum também. Quando nos conectamos mais plenamente com o nosso Merkaba, ou corpo de luz, nós então o utilizamos para nos lançarmos nos reinos mais elevados.

Merkaba é definido como: "O veículo divino supostamente usado para nos conectarmos com os mestres ascensionados e alcançarmos aqueles sintonizados com os reinos mais elevados. "Mer" significa Luz. "Ka" significa Espírito. "Ba" significa Corpo. Mer-Ka-Ba significa o espírito/corpo envolvido por campos de luz que giram em direções opostas, (discos com discos), espirais de energia como no DNA, que transportam o espírito/corpo de uma dimensão a outra."

Assim, é comum experienciarmos tonturas, vertigens e uma perda de equilíbrio quando estamos chegando mais plenamente nos reinos mais elevados. Na primeira vez que eu tive esta experiência, eu comecei a entrar em pânico, pois eu vivenciei os ataques de pânico quando comecei pela primeira vez a parte intensa do processo da ascensão, em 2001. Sentir como se estivesse caminhando com um pé ou dois acima da terra, quase flutuando, costumava me assustar também. Mas quando nos acostumamos com estas experiências, e sabemos do que elas tratam, pode realmente se tornar uma viagem divertida. Mais tarde, no Sábado à noite e no Domingo, quando eu mal era capaz de andar por uma linha reta, eu podia somente dizer "Uau! Aqui vamos novamente!" Agora, muitas destas experiências são uma grande diversão pois eu sei que elas são somente indicativas de um grande avanço e eu estou verdadeiramente grata a elas.

Os desastres naturais estão se tornando epidêmicos agora. Inundações, tufões, terremotos, estiagens, tornados e incêndios estão chegando a proporções epidêmicas. A Terra deve se alinhar agora com os reinos mais elevados, e isto está criando muito movimento interior e exteriormente. As áreas que precisam de maiores ajustes estão experienciando grande movimento, em uma tentativa de se alinharem com uma energia de vibração mais elevada.

Durante as últimas semanas, alguns de vocês podem ter tido uma experiência de grande pranto, parecendo que podiam chorar um rio, e talvez imaginando por que as lágrimas pareciam querer se assemelhar a uma onda de maré ou a um tsunami dentro de vocês. Pois sem nenhuma razão aparente, parecia que um sincero choro não podia ser interrompido.

Este fenômeno geralmente ocorre quando há grande perda próxima. Geralmente ocorre quando uma massiva purificação planetária está para chegar. Em nossos níveis mais elevados, nós sentimos a perda iminente e uma grande tristeza a acompanha. Então, certamente, chega um substancial desastre natural e sabemos a razão pela nossa experiência anterior de grande pranto.

Nos primeiros meses de 2008, muitos ficaram desiludidos e impacientes pelos nossos novos inícios e com o novo mundo que chega. Durante este período, nós podemos nos ter sentido presos, sem nenhum avanço e sem muita coisa acontecendo. Eu relatei muitas vezes que estávamos "esperando" para que tantos quanto possível embarcassem. Ainda que alguns não quisessem esperar, esta foi uma parte do processo muito necessária. Sim, pode ser difícil esperar às vezes, especialmente quando nós estamos muito preparados.

Aos níveis mais elevados de nossa alma, nós queremos dar tanto tempo quanto possível para que todos e tudo façam as mudanças e ajustes necessários, e, o mais importante, para que façam a escolha de embarcarem ou não. Este foi um longo processo, mas muito necessário, pois nos nossos níveis mais elevados, nós amamos ternamente todos os nossos irmãos e irmãs no planeta e queríamos que eles estivessem conosco e mais certamente com todos aqueles que entram nos reinos mais elevados.

E agora o momento está aqui. Os desastres naturais chegaram como uma manifestação do alinhamento da terra com as freqüências mais elevadas, as energias se formaram, a pressão está liberando o velho, e um derivado desta energia em intenso movimento é a criação de um veículo para aqueles que escolheram partir para fazerem apenas isto.

Não há julgamento aqui. Uma quantidade suficiente de tempo foi dada intencionalmente, de modo que tantos quanto possível pudessem estar preparados e pudessem fazer as suas escolhas. Haverá outras paradas na estação de trem. Haverá outras oportunidades. Para aqueles que não estão dispostos a despertar ainda, eles experienciarão uma maior "pancada" ou cutucão, e eles poderão escolher novamente. Se o salto puder ser feito, aqueles permanecerão. Aqueles que sentem que o salto está distante e sem uma possibilidade, partirão agora. Estas escolhas foram feitas nos níveis mais elevados de cada alma. E alguns escolherão partir por outras razões também. Eles podem muito simplesmente estar concluídos aqui.

Este fenômeno da escolha e de tempos diferentes de avanço para os reinos mais elevados criou muitas separações. Mas criou também alinhamentos novos e muito mais adequados também. É por isto que Phil e eu tivemos que nos separar, e porque alguém novo chegará em breve para mim. Quando estamos desejando deixar ir o que não está mais em alinhamento ou o que não nos é mais adequado, e se pudermos saber e confiar que um novo início chegará em breve, isto por sua vez, nos permitirá chegar aos reinos mais elevados. E Phil experienciará o que estiver em alinhamento com ele também, tudo de uma maneira bela e perfeita.

Deixar ir, confiar, se desconectar do que não mais é adequado, e se realinhar com os nossos eus superiores ou almas, nos apoiarão de modos fenomenais na chegada ao nosso céu na terra.

Estas perdas, especialmente relacionadas aos desastres naturais, podem ser opressivas às vezes. Podemos nos sentir inseguros e temerosos. Podemos nos sentir traumatizados se formos intensamente sensíveis. Pode parecer que nunca temos conhecimento do que acontecerá em seguida. Mas esta é a beleza da escolha. E há mais com esta história em particular também.

Há várias semanas nós vivenciamos um novo alinhamento que se relacionava com o fato de liberar os outros que eram intensamente auxiliados. Isto envolveu assumir uma postura muito importante de não descer para uma realidade de vibração menos elevada, onde os outros estavam residindo a fim de ajudá-los. Isto envolveu não estar onde os outros estavam e identificarmo-nos com eles. Envolveu não erguer os outros para onde estávamos sem a sua disposição e o verdadeiro desejo de deixarem ir e estarem aqui. Envolveu permitir que outros fizessem as suas próprias escolhas enquanto nos permitimos avançar para o que estávamos agora em alinhamento.

Envolveu também não ter grande compaixão pelos outros, pois esta emoção nos leva aonde outros estão, pois nos identificamos muito com eles, a fim de estarmos lá com eles e compreendermos onde eles estão. De acordo com o dicionário, a compaixão envolve piedade e uma disposição de ter comiseração pelo outro. Estes estados de ser derruba a nossa energia. A compaixão é uma palavra que existia na velha realidade da 3D. Ela se originou lá. Ela veio de uma velha mente da 3D.

Nos reinos mais elevados, nós utilizamos o amor. Quando visitamos a realidade de vibração menos elevada do sofrimento a fim de auxiliar e servir, nós acompanhamos a vibração do amor... não a compaixão. O amor serve como a nossa proteção das realidades de vibração menos elevada. Ele tem uma vibração extremamente elevada e dá aos seus receptores o melhor resultado possível. A compaixão não existe nos reinos mais elevados, pois não há sofrimento. Assim então, nós utilizamos o amor, pois é isto que viemos conhecer e estar nos reinos mais elevados. E quando começarmos a evoluir para os anjos humanos que eventualmente seremos, nós vibraremos mais e mais no amor. Nós não precisamos enviar intencionalmente o amor para o outro, pois este é muito para deliberar e planejar. Nós naturalmente estaremos no próprio amor, pois o processo da ascensão produz este estado por si mesmo.

Assim então, este estágio que experienciamos, envolvendo abandonar aqueles que nos atraíam para a sua realidade de sofrimento foi planejado para nos preparar para o que está à frente. Este estágio de progresso evolutivo que experienciamos há algumas semanas foi planejado para nos preparar para estes desastres naturais que estão ocorrendo agora, de modo que pudéssemos auxiliar se o escolhêssemos, sem vivenciarmos a dor dos outros. Nós então seríamos ligados para auxiliar e fazermos verdadeiramente uma diferença sem sermos afetados, mas por breves períodos de tempo, quando então precisaríamos retornar aos reinos mais elevados dos quais viemos.

E ao abandonarmos os outros rompeu um cordão que estava nos atando ao velho mundo, capacitando-nos assim a chegar nos reinos mais elevados.

E aqui nos reinos mais elevados, nós estamos nos reconectando mais e mais com a realidade de nossos sonhos. Enquanto os alinhamentos chegam para nós mais freqüentemente agora, nós experienciaremos então mais e mais do nosso céu na Terra. Enquanto as freqüências deste novo mundo têm uma vibração mais e mais elevada, nós experienciamos naturalmente no exterior mais rapidamente agora, precisamente o que nos diz respeito ou vibramos interiormente. O efeito espelho é extremamente pronunciado. Toda e cada manifestação ocorre devido a quem somos e o que acreditamos e percebemos.

Nós estivemos extremamente ansiosos para que tivéssemos um aumento nas energias e residíssemos nos reinos mais elevados, mas se tivéssemos chegado aqui um pouco antes, nós teríamos experienciado manifestações extremamente desconfortáveis para nós, pois a nossa realidade externa teria sido indicativa do que estava dentro de nós. A purificação e a liberação desconfortáveis pelas quais passamos nos últimos anos, foram muito necessárias para que estivéssemos preparados para estes momentos. Caso contrário, nós teríamos vivenciado mais um inferno do que um céu na Terra.

Quanto mais escolhermos deixar ir, mais vivenciaremos uma realidade nos reinos mais elevados. E quanto mais nos permitirmos estar em alinhamento com as nossas almas ou nossos verdadeiros e autênticos eus, enquanto deixamos ir o que não nos parece conveniente, mais experienciaremos o céu na Terra e mais fácil será também chegarmos aos reinos mais elevados.

Quando deixarmos ir os velhos padrões, percepções errôneas, crenças, situações e talvez até outros em nossas vidas, nós certamente nos encontraremos no céu na Terra. E o efeito espelho nos permitirá fazer mudanças contínuas, enquanto evoluímos para os anjos na Terra que pretendíamos ser.



www.whatsuponplanetearth.com



Desejo a vocês o Céu em seu coração, a luz das estrelas em sua alma e milagres em sua vida nestes tempos milagrosos...



Até a próxima vez,

Tradução: Regina Drumond reginamadrumond@yahoo.com.br

2 Re: LÁGRIMAS, VERTIGENS E OS DESASTRES NATURAIS em Qui Maio 15, 2008 10:46 am

Ac Laviano


Oi! Sinto muito. Me perdoe. Te amo. Sou grta!!!! cheers
bounce Tb recebi esta canalização e cm estava dispersa ou melhor, ainda ñ havia lido a respeito, achei q a tontura sentida e a flutuação fosse de responsabilidade da minha hérnia na cervical! Imagina... às vezes esqueço desses alinhamentos!!!! Laughing
É impressionante cm sentimos os sinais e sintomas e por isso pratico cd vez mais H.. Exclamation Exclamation Exclamation A sensação é q está chegando mto rápido e ñ me sinto mais "esquisita" scratch mas sim cm está no relato, cm se eu estivesse em uma gde nave... e para mim, isso sim é esquisito cyclops mas vamos ver o q mais vem pela frente! confused
sunny Saúde e mta luz! sunny
Ac

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum