Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Essências-Musicais de Bach

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1 Essências-Musicais de Bach em Qua Fev 11, 2009 12:27 pm

Lena


Admin


Essências-Musicais de Bach


(Johann Sebastian Bach)





Em seu livro, “Manual de Harmonia”, Hans Kayser descreve um “banho de acordes” curativo que deveria ser adotado como uma poderosa vertente psicoterapeutica:

“É fato conhecido que, além da fome e do amor, nada mais age profundamente sobre a vida anímica quanto a música. E a idéia de influir sobre a psique humana através do som ── tornando este conceito em seu sentido mais amplo ── está no mínimo extraordinariamente próxima. Um grande campo cheio de possibilidades nem mesmo imaginadas encontra-se sem dúvida aberto para uma psicoterapia racional... Uma hora diária de “banho de acordes” certamente iria curar vários vários colapsos psíquicos mais rapidamente que outros meios, e um mergulho diário na euforia calmante de uma melodia querida poderia fazer maravilhas por uma sistema nervoso arruinado.”

(1). De fato, uma verdadeira transformação do homem e da humanidade deverá ser fundamentalmente “musical”, visto que a maior de todas as transformações, aquela que fez nascer o universo e a vida ocorreu mediante um espetacular ato sonoro divino. A instauração de novos padrões cósmicos de conduta do novo homem deverá ser precedida por um renascimento musical. Não há mudança de civilização e de costumes sem que haja mudanças nos padrões musicais. Os fundamentos sonoros de uma música espiritual e restauradora já existe e foram trazidos à luz especialmente por Johann Sebastian Bach (1685-1750) e por vários compositores clássicos: Haendel, Vivaldi, Haydn, Mozart, Beethoven e muitos outros.

Mosaicos vibracionais acústicos podem ser armazenados na água com um arranjo apropriado de materiais e métodos. A música pode potencialmente “pintar” ou “esculpir” uma “paisagem” sonora na água, criando uma essência musical. E esta “paisagem sonora” pode ser transmitida ao ser humano ou a qualquer outro ser vivo, mediante o uso interno da essência musical, de modo semelhante ao que ocorre com a terapia floral ou com a homeopatia em alta diluição. Podemos considerar esta nova “terapia musical” como uma magnífica ampliação da homeopatia de diluições infinitas de Hahnemann, onde a sucussão mecânica (equivalente à soronidade monótona da batida de um tambor ── música primitiva) é substituída por incríveis e riquíssimas sucussões acústicas provenientes de músicas clássicas.

A essência musical não é um medicamento ou um insumo farmacêutico. Trata-se de uma bebida especial, cuidadosamente elaborada dentro de princípios metodológicos, filosóficos e espirituais baseados nas propriedades da água e da música clássica. A essência musical é bastante simples em sua composição. Ela contém simplesmente (I) água pura da fonte, (II) conhaque como conservante e (III) mosaicos vibracionais acústicos de música clássica. Após a ingestão da essência musical, a alma “contempla e absorve” internamente esta “obra de audição” em toda a sua fluidez arquetípica. Uma grande celebração musical envolve cada átomo físico e sutil que compõe o nosso ser, impregnando-os com os elementos vibracionais da mais elevada esfera espiritual.

O céu é simplesmente sonoro! É o canto mais perfeito e harmonioso das hostes angelicais, dos santos e da Santíssima Trindade! O som, uma emanação vibratória, constitui o fundamento de tudo e de qualquer coisa criada, até mesmo da luz, até mesmo do homem. O caráter de uma alma é um canto e o seu substrato terreno é a água! Com a afinação da alma, por intermédio e ação das músicas mais perfeitas e harmoniosas, muda completamente a música que cada um de nós entoamos pelo mundo. Não é possível “voar” para as regiões celestes sem que aprendamos a ressoar a música sagrada dos anjos. Este livro apresenta alguns vislumbres descritivos de uma imensa catedral sonora celestial! No centro desta Igreja da Música Universal de Cristo está o Batistério Sagrado, com as suas águas impregnadas pelo canto perfeito e belo, curativo e salvador. O “nascer de novo” tão veementemente apregoado por Cristo pode ser ritualizado pela “imersão” em tais águas musicais santificadas! Um “novo batismo” acontecerá por meio de um “banho de acordes celestiais”, as essências musicais! Poderosíssimas gotas de um orvalho especial preparado a partir da fusão maravilhosa de águas puríssimas e músicas angelicais e Johann Sebastian Bach e de vários outros compositores divinamente inspirados.

A doença e o pecado são ontologicamente acústicos! O alvo inequívoco da essência musical é a “afinação da harpa” que constitui a alma humana, de modo a prepará-la para os padrões vibratórios da vida no Paraíso! As asas da alma humana precisam ressoar com a batuta do Maestro Universal. No céu existe um eterno vôo cósmico, a dança dos espíritos bem aventurados! O voar da alma é em si um canto maravilhoso! Santo Agostinho disse: Deus é o Cantor Universal! E a alma do homem o maior de todos os seus poemas sonoros! E Jesus conclama a todos para finalizar os últimos acordes consonantes do Grande Concerto dos Redimidos!



Fonte: livro > AS ESSÊNCIAS MUSICAIS DE BACH - MANUAL DE AFINAÇÃO E HARMONIA DA ALMA PARA ADMISSÃO NAS ORQUESTRAS E COROS CELESTIAIS, de autoria do Dr. Breno Marques da Silva.


www.cuidebemdevoce.com
Lena Rodriguez
CONTATO >
liberdadedeser@gmail.com



Última edição por Lena em Seg Jul 27, 2009 7:19 pm, editado 2 vez(es)


_________________
Lena Rodriguez
WWW.CUIDEBEMDEVOCE.COM
http://www.cuidebemdevoce.com

2 Música e Felicidade em Sex Abr 03, 2009 5:19 pm

Lena


Admin
MÚSICA E FELICIDADE


Ritmo, melodia e harmonia podem fazer o peito bater mais forte e feliz.
Não é só papo de gente romântica, não.
É a medicina de ponta que comprova e prescreve esse benefício.

Pode ser a batida pop de Sting, a cadência dos sambas de Cartola, as sinfonias de Mozart ou ainda os tangos com incorporações de jazz de Astor Piazzolla. Não importa. Basta ouvir aquela música preferida para que uma cascata de emoções positivas venha à tona, fazendo a gente reviver dez, cem, mil vezes uma situação prazerosa. Amplificações à parte, o que um estudo da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, acaba de provar e apresentar para a Associação Americana do Coração é que aquelas canções consideradas especiais para um indivíduo têm efeito direto sobre a saúde cardíaca.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores resolveram medir, por meio de ultrassom, o diâmetro dos vasos sanguíneos no braço de dez voluntários saudáveis e não fumantes logo após uma sessão com suas músicas prediletas. Os participantes, no entanto, tiveram de se submeter a um jejum musical durante os 15 dias anteriores à medição, tudo para intensificar o impacto do estímulo sonoro na hora do experimento.

No dia D, foi pedido a eles que levassem os hits que mais lhes causavam contentamento - o estilo country, o sertanejo à americana, foi disparado o mais escolhido na experiência. Depois de 30 minutos ao som das canções, os dentistas observaram um aumento de 26% no calibre dos vasos, um resultado bastante expressivo - para ter uma idéia, um vídeo com o mesmo tempo de duração e tiradas bem-humoradas provocaram uma dilatação de 19%. Ainda a título de comparação, audiotapes para induzir ao relaxamento causaram uma distensão de 11%. Já a barulheira do heavy metal deixou os vasos 6% mais estreitos e os voluntários, ansiosos.

Mas por que a música cala fundo no coração? "Acreditamos que esse tipo de estímulo provoque a liberação de substâncias protetoras, como o óxido nítrico, que dilata os vasos", explica a SAÚDE! o cardiologista Michael Miller, um dos autores do estudo. "Além disso, o óxido nítrico reduz a formação de coágulos e o endurecimento das artérias", conclui o médico, um fã confesso de jazz.

Essa molécula benéfica é secretada pelo endotélio, a camada que reveste internamente os vasos. Daí, não é de estranhar que o trabalho também tenha investigado como esse tecido reage às notas sonoras. O aumento do calibre arterial permite que o sangue circule com mais facilidade, o que contribui para abaixar a pressão e levar uma maior quantidade de oxigênio para o corpo todo. "E, quanto maior a oxigenação das células, melhor o funcionamento do cérebro, do coração e do sistema imunológico", explica o neurologista e maestro Mauro Muszkat, da Universidade Federal de São Paulo.

Qual relaxa mais?
Veja abaixo como diferentes situações do cotidiano interferem nos vasos.

Ouvir uma música que deixe você feliz – 26%
Fazer sexo – 20%
Dar uma boa gargalhada – 19%
Ouvir CDs de relaxamento – 11%

Como tocas a emoção certa?
Existem diferenças entre o som que diverte e aquele usado com intenção terapêutica. A enfermeira Eliseth leão, finalista do III Prêmio SAÚDE! com o trabalho Uma Canção no Cuidar, que emprega a música para redução do estresse nos profissionais de enfermagem e entre os pacientes do Hospital Samaritano, de São Paulo, defende que há composições com maior efeito medicinal do que outras. "Aquelas com andamento lento, sem letra, relaxam. Em termos fisiológicos, menos tensão é igual a menos dor", exemplifica. Eliseth acrescenta que a música pode atuar em quatro níveis: físico, mental, emocional e espiritual.

As dançantes, por exemplo, mobilizam a energia muscular, por isso são as mais tocadas nas academias de ginástica. Já canções como as de Chico Buarque são mentais. Elas fazem com que a gente desenvolva histórias na cabeça, contribuindo para lidar com temas delicados e tratar a alma. As com apelo emocional instigam o choro ou um estado de alegria e, dessa forma, acabam sendo escolhidas intuitivamente. Por fim, músicas instrumentais e clássicas nos transportam para o nível espiritual. "Bach, por exemplo, dizia que compunha para se ligar a Deus", conta Eliseth.

O efeito benéfico da música começa a reverberar primeiro na massa cinzenta para, em seguida, se refletir no coração. "Ela aumenta a produção de endorfina e serotonina, substâncias produzidas no cérebro e responsáveis pela sensação de prazer, faz diminuir a liberação de cortisol, o hormônio do estresse, e, por fim, regula a frequência cardíaca", diz Muszkat, que também é coordenador do In Music, grupo de cientistas da Unifesp que estuda a ação da música sobre o corpo.

Quer ouvir mais uma vantagem de manter o MP3 ligado? No início de 2008, um estudo publicado na importante revista científica inglesa The Lancet revelou que a música contribui para a reabilitação de indivíduos que sofreram derrame. Mas que tipo de som? De novo, o que estivesse ao gosto do freguês. Entre os 60 pacientes acompanhados por dois meses, aqueles que escutaram composições do gênero "minhas preferidas" apresentaram memória verbal e atenção significativamente melhores do que o grupo que era só ouvidos para audiolivros.

Outra boa notícia: o tempo exato de audição capaz de manter o coração e a mente em paz está longe de ser uma coisa do outro mundo. "Um estudo do Instituto de Montreal, no Canadá, mostrou que a exposição constante ao estímulo, por pelo menos duas horas diárias, já produz benefícios para a saúde em três ou quatro dias", revela Muszkat. O pesquisador americano Michael Miller é mais contido na prescrição da dosagem. "De 20 minutos a meia hora de música agradável, várias vezes por semana, já é uma boa pedida", recomenda.

Por
KATIA STRINGUETO


http://www.humaniversidade.com.br/boletins/musica_felicidade.htm

[url][/url][center]


_________________
Lena Rodriguez
WWW.CUIDEBEMDEVOCE.COM
http://www.cuidebemdevoce.com

3 Êxtase musical - Cura para a Humanidade em Seg Set 26, 2011 8:51 am

Elusa


Aloha amigos,

Música celestial de João Cota-Robles através de Frederic Delarue

A frequência desta música celestial se comunica com a Inteligência Divina do corpo, num nível celular da consciência de cada célula. Como a música acalma e conforta as células, a capacidade natural do corpo para curar a si mesmo é realçado. Esta música sacra é compatível e funciona em harmonia com cada modalidade de cura ou tratamento médico que uma pessoa possa estar realizando. A música ressoa com uma bênção adicional para todos que está lidando com qualquer forma de "doenças". Além do que, as imagens são maravilhosas.

O CD completo de Rapture Musical é de 62 minutos de duração. Você pode baixar esta música sacra gratuitamente no site www.eraofpeace.org O download gratuito mp3 também está disponível no site do Frederic Delarue www.FredericDelarue.com

"Essa música vem do Alto e nunca deve ser comprado ou vendido. Por favor, compartilhe esta informação com todos que você sente se beneficiariam com esse dom sagrado da música celestial". João Cota-Roble

[center]

http://www.elusapaz.blogspot.com/

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum